fbpx

Perguntas Frequentes – SPDA

Esta seção foi pensada para responder as dúvidas mais frequentes relacionadas ao projeto de SPDA (sistemas de proteção contra descargas atmosféricas) e laudo de SPDA que recebemos de clientes. Caso sua dúvida não seja contemplada por essa lista, sinta-se convidado a entrar em contato com nosso setor comercial, através do número de telefone (71) 3283 9888 ou pelo email contato@eletrojr.com.br.

A necessidade de um para-raios se dá conforme os cálculos de gerenciamento de riscos, previstos na norma NBR5419/2015.

A EletroJr realiza o projeto, mas a parte da implementação é normalmente oferecida através de empresas parceiras. É necessário verificar com o setor comercial se para o tipo de projeto que será contratado essa opção está disponível.

Apenas analisando o caso e realizando os cálculos de gerenciamento de riscos previstos na norma NBR5419/2015 é possível afirmar com certeza que não haverá a necessidade de SPDA.

Sim, o projeto de SPDA é eficaz e seguro pois garante uma margem de segurança predeterminada pela norma.

É utilizada a norma NBR5419

A necessidade do projeto se dá conforme os cálculos de gerenciamento de riscos previstos na norma NBR5419/2015.

O risco é minimizado através das técnicas e parâmetros disponibilizados na norma e em conformidade com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e em estudos da comissão eletrotécnica internacional. O risco, apesar de continuar existindo, será reduzido a probabilidades muito baixas.

O tipo de SPDA será definido com base no gerenciamento de risco do local previamente ao início do projeto, numa análise de custos, levando em conta aspectos de segurança, restrições físicas e questões de ordem práticas características à cada local.

O Laudo é necessário para atestar a integridade do sistema, quando um sistema de SPDA já existe no estabelecimento. Caso o cliente não possua um sistema de SPDA anteriormente ou precise realizar alguma adequação à norma ou reforma, é preciso realizar um projeto de SPDA.

Sim, conforme determinação da NBR 5419.