O seu medidor de energia está funcionando da forma correta?

medidor de energia

Será que seu medidor de energia pode ser um vilão para sua conta de luz está vindo muito alta? Além do mais, será que pode ser um fator para sua conta de luz está vindo zerada? Continua lendo que já vamos entender mais sobre essas duas questões!

Antes de falar sobre Medidor de Energia, precisamos falar sobre Padrão de Entrada!

Em suma, podemos afirmar que o padrão de entrada é composto por um medidor de energia elétrica (também conhecido como wattímetro, que mede o consumo em KWh), uma caixa padrão e um disjuntor. E esses Padrões de Entrada, precisam estar conforme as normas de segurança elaboradas pela ANEEL e Coelba.

O que é um medidor de energia elétrica?

Popularmente conhecido com “relógio de luz“, o medidor de energia, como o próprio nome já sugere, a sua função é justamente medir o consumo de energia elétrica de corrente alternada. E esse consumo de energia é feito mensalmente em kWh.

kWh: esse termo significa Quilowatt-hora e é a medida da energia elétrica consumida por um aparelho em um tempo determinado. Por isso, um Watt-hora é unidade de medida de energia e hora é uma unidade de tempo.

Vamos a um exemplo de como o consumo é calculado pelo medidor?

O seu aparelho tem uma potência de 5400 W e o fabricante indica que essa é a sua potência pelo período de 1 hora. Então, se este aparelho ficar ligado por 4 horas, temos que o consumo corresponderá a conta a seguir:

Potência x Tempo de uso
= 5400 W x 4 h = 21.600 Wh ou 21,6 kWh

Certamente, podemos associar ao fato de que quanto maior a potência de um aparelho, maior será o seu consumo energético.

Quais os tipos de medidores de energia?

Medidor de Energia Eletromecânico

Esse medidor é mais antigo e funciona pelo princípio da indução eletromagnética.

A medida que a eletricidade consumida passa pelas bobinas gera um campo magnético e como ele possui um disco de metal, movimenta uma engrenagem e ponteiros de uma série de relógios.

Apesar de antigo o eletromecânico é muito eficiente e ainda muito utilizado no mundo.

Caso o funcionário da distribuidora de energia não consiga ter acesso ao medidor, a ANEEL explica como funciona o procedimento e clique abaixo e confira!

Medidor de Energia Eletrônico

Enquanto que no eletromecânico, os ponteiros são movimentados por uma série de engrenagens, no eletrônico a medição é efetuada digitalmente.

Podemos acrescentar que esse tipo de medidor possui um dispositivo que envia informação diretamente para a concessionária, e por isso não é preciso que a empresa mande um funcionário para realizar leituras no medidor.

Como verificar se está funcionando da forma correta?

O medidor de energia tanto pode ser um fator não só para a conta está vindo muito alta, como também para o não faturamento do consumo.

Para o primeiro caso podemos fazer o seguinte:

    1. Desligue o disjuntor ou chave geral e observe se o disco do medidor continua girando. Caso continue girando com disjuntor e chave desligados, pode ser caracterizado como um problema no medidor e o cliente pode solicitar uma avaliação da concessionária para que a troca seja realizada.
    2. Faça você mesmo a leitura do medidor no mesmo dia em que é feito pela concessionária. Lembrando que o medidor não é zerado a cada mês,e para o cálculo é necessário que subtraia o valor obtido do anterior.

Em relação ao segundo ponto, podemos conferir orientações práticas com a ANEEL 

Portanto, com essas informações e exemplos que foram passados ficou mais fácil de entender o que são os medidores de energia e como podem influenciar em nosso consumo!

Segue outras postagens do blog para que se informe mais sobre o tema!

Afinal, o que é Padrão de Energia?

Como posso economizar energia elétrica?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *